Receita de risoto de aspargos

Home / Receitas de Risotos / Receita de risoto de aspargos


Havia um tempo que eu não fazia risoto e sexta-feira passada me deu uma vontade… nossa… não queria nada muito pessado e lembrei que tinha alguns aspargos frescos congelados. Achei aspargos lindos no supermercado semana passada e como demorei a fazer, congelei para não perder. Confesso que fiquei com medo de ficarem ruins, mas não é que ficaram ótimos depois que eu descongelei. O risoto foi vapt-vupt. Edu já dormindo, um bom vinho, marido jogando playstation na sala e foi assim, uma sexta-feira tranquila, depois de uma chuva de verão e um jantar delicioso pra finalizar.

Ingredientes para receita de risoto de aspargos

  • 1 xícara de chá cheia de arroz arbóreo (receita para 2 pessoas)
  • 6 astes de aspargos frescos
  • 1 colher de sopa bem cheia de manteiga sem sal + 1/2 colher para finalizar
  • 1 1/2 de caldo de legumes (1 1/2 de água + 2 tabletes ou 3 sachês de caldo de legumes)
  • 1 cebola pequena picadinha
  • 1/2 taça de vinho branco
  • 30 gramas de queijo parmesão ralado

Preparo

Etapa 1
Pique os talos dos aspargos em rolas não muito finas, deixando as pontinhas inteiras e reserve. Em uma panela grande aqueça a manteiga e a cebola picadinha. Deixe fritar, aumente o fogo e acrescente o arroz arbóreo (sem lavar), mexa bem e deixe refogar. Mexa constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado, apenas incorporar na manteiga. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho. Continue mexendo. Nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.
Etapa 2
Assim que o álcool  for absorvido pelo arroz e secar, comece a acrescentar as primeiras conchas do caldo quente, que deve ficar pronto antes de você começar o risoto. Acrescente sempre, duas conchas por vez. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela com a colher deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais conchas de caldo, a medida que a água for secando. Acrescente agora os talos picados de aspargos e reserve as pontinhas. Vá experimentando o arroz e observando a textura e continue mexendo.
Etapa 3
O ponto do arroz, deve ser al dente e a esta altura o arroz já triplicou de tamanho e rendeu, enchendo a sua panela, então se você ficou com o olho gordo e colocou mais arroz do que eu falei, pode ter certeza, a essa altura você deve estar falando (porque eu não segui a medida da Dani… kkkk). Acrescente agora as pontinhas dos aspargos que você guardou e mexa. O risoto não pode secar, ele tem o aspecto babento mesmo, não é soltinho como o arroz comum, ele é papado, aliás, muito papado. Adicone o queijo ralado e provavelmente, a essa altura do campeonato o ponto do seu risoto já estará muito bom. Experimente para ver se haverá necessidade de colocar sal. Eu não coloquei, por causa do parmesão e do caldo. Desligue o fogo e adicione a 1/2 colher de manteiga, que deverá deve estar bem gelada, no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture pelas bordas da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos poucos. Isso ajudará o seu risoto a ficar com este brilho e da o gostinho especial. Sirva imediantamente, porque risoto é assim, acabou de fazer, tem que comer. Bom apetite!

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.