Meu marido é alucinado com bacalhau e sempre que posso faço um prato diferente pra ele. Inspirada pelo meu amigo Marcel Gussoni, do Sabor Sonoro, fiz um risoto de bacalhau que ficou divino. No jantar em questão, tivemos a visita ilustre do nosso amigo Lincoln, que agora é nosso vizinho. Ele e a Michele estão morando no condomínio ao lado. A Michele não pode comparecer, porque estava viajando, mas fiquei devendo um outro risoto pra ela. Também tivemos a companhia do Wilsinho e Priscila e nossos vizinhos Rodrigo e Lígia… esses aí já são figurinhas carimbadas… rsrsrsrs…

Rendimento

para 6 pessoas

Ingredientes para receita de risoto de bacalhau

  • 2 colheres bem cheias de sopa de azeite
  • 1 colher generosa de manteiga (ainda dura)
  • 1 cebola grande ralada
  • sal a gosto
  • alho picadinho
  • 3 xícaras bem cheias de chá de arroz para risoto (o mais conhecido é o Arbóreo)
  • 100 ml de vinho branco seco
  • 500 gramas de bacalhau em lascas (passe o bacalhau por 3 águas durante o dia – água filtrada e gelada)
  • queijo parmesão ralado
  • 1 litro e 1/2 de caldo de legumes ou caldo de peixe (água + 3 cubinhos)
  • azeitona preta picadinha
  • 4 tomates picadinhos em cubos

Preparo

Etapa 1
Aqueça o caldo. Em uma outra panela aqueça o azeite. Adicione a cebola e o alho e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz e comece a fritá-lo. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco sem parar de mexer. Ele vai chiar e deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar e nós vamos para a segunda etapa.
Etapa 2
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais caldo a medida que ele for evaporando, tome cuidado para que ele não fique com muito caldo e fique empapado demais. Essa etapa deve demorar uns 15 minutos. Experimente o arroz até que ele esteja no ponto. Ao aproximar-se desta etapa, reduza aos poucos a quantidade de líquido que vai acrescentando, de modo que quando ele estiver al dente, fique levemente úmido, mas sem caldo. Acrescente as lascas de bacalhau, a azeitona e o tomante, antes de terminar de acrescentar o caldo. Talvez você não usará o total do caldo.
Etapa 3
Quando o arroz estiver o ponto, abaixe o fogo e adicione a manteiga no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará a dar brilho no seu risoto. Desligue o fogo e acrescente o queijo parmesão.  Depois de tudo isso, experimente, se estiver faltando sal, salpique um pouco, misture, passe para uma travessa bonita e sirva imediatamente.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.