Receita funcional: coxinha de cará

Home / Receitas funcionais, veganas e saudáveis / Receita funcional: coxinha de cará

Coxinha de cará - coxinha fit
Semana passada fiz uma nova receita da Bela Gil. Adoro o programa dela no GNT – Bela Cozinha, sempre gravo para conferir depois. A receita me chamou a atenção porque era um episódio sobre frituras saudáveis. Ah, e como eu gosto de uma friturinha gente, não posso negar, mas praticamente não faço nada de fritura em casa e outra coisa que também me chamou a atenção foi o cará, que é uma raiz que adoro de paixão, desde criança.
Achei que seria difícil fazer as coxinhas, que na receita ela chama de gotinhas de cará, mas foi fácil. Tive que fazer uma alteração na receita, talvez porque errei na quantidade de cará, colocando um pouco menos, então tive que acrescentar um ovo na receita para a ficar boa para a modelar e deu tudo certo. Ah, usei berinjela no lugar da vagem, porque não tinha. Dá uma olhada aí pra você ver como a receita é bacana e saudável.

Rendimento

De 18 a 20 coxinhas do tamanho das que eu fiz.

Ingredientes para receita de coxinha de cará

Massa

  • 1 kg de cará
  • 1 copo de farinha de arroz (facilmente encontrada em lojas de produtos naturais)
  • 1/2 copo de água
  • 3 colheres de chá de sal

Recheio

  • 1 cebola grande
  • 2 cenouras médias
  • 1 berinjela pequena
  • 20 azeitonas pretas sem caroço e picadas
  • 2 colheres de sopa de shoyo

Preparo da massa

Coloque a farinha de arroz e a água na panela. Mexer bem, tampar e cozinhar em fogo baixo por 15 minutos. Descasque e corte o cará em fatias grossas e colocar na água com limão. Escorra e leve ao fogo cobrindo com água. Deixe cozinhar até ficarem macias e escorra bem deixando secar. Esprema o cara e coloque o sal. Misture com as mãos o cará com a pasta grossa de farinha de arroz. Amasse bem até formar uma massa homogênea.

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES PARA TE AJUDAR

  • Não deixei a farinha de arroz com água cozinhar por 15 minutos, porque secou e começou a querer queimar. Então adicionei um pouquinho mais de água e deixei secar, até ficar uma farofa grossa.
  • Quando terminei de amassar a massa, ela ficou meio que esfarelando, talvez porque eu coloquei menos cará, não sei ao certo, mas aí coloquei 1 ovo na massa e deu certo, ela ficou ótima para modelar a coxinha.
  • A massa ficou um pouco grudenta quando comecei a modelar as coxinhas, então eu sempre untava as mãos e de 2 em 2 coxinhas eu lava as mãos.
  • Não pe preciso empanar a coxinha para fritar, ela fica super sequinha.

Preparo do recheio

Corte a cebola em cubos pequenos e refogue até sair a acidez, se preferir adicione um fio de azeite para refogar. Acrescente a cenoura e a berinjela picadinhas (todas com casca) em cubos bem pequenos, cozinhar tampado em fogo baixo e tempere com o shoyo. Acrescente as azeitonas picadas e reserve.

Como montar

Fazer bolinhas e achate do tamanho da palma da mão. Coloque o recheio, mas não coloque muito senão você terá dificuldades para fechar e modelar. Acompanhe as fotos abaixo para modelar a sua coxinha. Verifique se está bem fechada. Faça todas as coxinhas primeiro antes de fritar. Para fritar, use o método de imersão em óleo de milho ou de girassol quente.
Coxinha de cará - coxinha fit
Coxinha de cará - coxinha fit
Coxinha de cará - coxinha fit
Coxinha de cará - coxinha fit

Redes Sociais

 

Acompanhe o Cozinha Travessa nas redes sociais e fique por dentro das novidades:
Facebook
Twitter
Pinterest
Instragram

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.