Gastronomia Responsável – Vamos pensar na nossa alimentação!

Home / Reviews / Gastronomia Responsável – Vamos pensar na nossa alimentação!

Pessoal, hoje vou falar de um grande projeto de uma marca que faz parte da minha vida. É a Gastronomia Responsável – da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.
É tanta informação que bombardeiam em nós sobre sustentabilidade, meio ambiente, reciclagem, planeta, mas o que nós fazemos para ajudar? Qual a é a nossa parcela de contribuição nessa história toda? Às vezes, não é nada, porque simplesmente nos esquecemos de fechar a torneira quando escovamos os dentes, de separar o lixo de casa, de não jogar lixo na rua, enfim, coisas tão simples e que podemos fazer para contribuir com o meio ambiente. A Fundação Grupo Boticário levanta a bandeira para uma alimentação responsável através do projeto Gastronomia Responsável e como este é um blog de culinária, convido todos vocês para pensarmos em como nossos hábitos alimentares podem beneficiar o equilíbrio do planeta.

Gastronomia Responsável

O Movimento tem como principal objetivo ampliar o nosso pensamento, para refletirmos como a agricultura e natureza podem se manter em equilíbrio, além disso tem a intenção de oferecer a sociedade uma forma de participar efetivamente de um movimento que reverterá recursos para a conservação da natureza.



O movimento convidou chefs de cozinha a criarem pratos com princípios que unem alta gastronomia e conservação da natureza. A princípio o Movimento começou em Curitiba|PR e parte dos pratos é revertida para ações de conservação da natureza da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.
Nós também podemos contribuir e fazer mais, sabe como?
Utilizando nossos princípios em nossas cozinhas e compartilhar lá no site, assim todo mundo pode fazer parte do Movimento por uma gastronomia mais responsável!

Vamos seguir os princípios do Movimento. É fácil:

Utilizar alimentos orgânicos

Alimentos orgânicos são produzidos da maneira mais natural possível, não havendo necidade do uso de insumos químicos, fertilizantes e pesticidas, evitando assim a contaminação do solo e dos recursos hídricos.

Utilizar produtos regionais para diminuir a emissão de CO2 proveniente do transporte

Utilizar alimentos produzidos localmente evitam o transporte de longas distâncias e a emissão de gases responsáveis pelo aquecimento global, torna-se bem menor, diminuindo também a necessidade de embalagens e energia para estoque.

Não utilizar espécies ameaçadas e quase ameaçadas de extinção

Evitar o consumo de espécies com alto risco de desaparecerem da natureza num futuro próximo, como o palmito extraído do palmiteiro-juçara e a castanha extraída da castanheira-do-Brasil. Um cuidado maior também com alimentos escassos, consuma quando estiverem na época certa.

Receitas Responsáveis

Vamos levantar essa bandeira junto com a Fundação Grupo Boticário. Eu já fui lá no site do Movimento copiar algumas receitas responsáveis para incluir no meu cardápio e contribuir para um planeta mais sustentável e responsável.

E você? Alguma sugestão?

Conheça um pouco mais do trabalho da Fundação: Twitter, Facebook e Tumblr.
Este é um publieditorial da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.