Categoria: Receitas de Risotos

Receita de frango marinado com shoyo e gergelim e risoto de ervilha

sexta-feira, 03 setembro 2010

foto de frango marinado com batatas, shoyo e gergelim e risoto de ervilha
Oi Minha Gente!
Eu vou confesar, adoro um feriado e neste final de semana de feriado prolongado estarei em off. Vamos para o rancho descansar, divertir e preparar muita comida boa, é claro.
Continue Lendo

Comentar! Comentários: 1

Receita de risoto de camarão com leite de coco

quarta-feira, 21 julho 2010

foto de um prato com risoto de camarão e uma taça de vinho

Oi Meus Queridos e Queridas!
Tá aqui o risoto de camarão que disse que ia fazer no final de semana. Bom, mas eu só fiz né, porque comer que é  bom, nada. Eu não posso comer camarão, tenho alergia, mas a galera que comeu, aprovou demais. Eu só pude experimentar o ponto do arroz, antes de acrescentar o camarão, mas tudo bem. É um prato muito bonito e pra quem gosta e pode comer, uma ótima pedida para o jantar de final de semana. A delícia foi na casa dos nossos queridos amigos Kamila e Bim! Continue Lendo

Comentar! Comentários: 14

Receita de filé ao molho de mostarda e whisky e risoto de manteiga trufada

quarta-feira, 07 julho 2010

foto de um prato com risoto de manteiga de trufa branca e filé mignon com molho de mostarda e whisky
Oi Meus Queridos e Queridas!
Baby está indo muito bem, agora com 5 gramas  e  estou na minha 10a semana de gestação. Dia 19 é o meu próximo ultra-som e estamos doidos pra chegar logo. Estou ótima, não estou passando mal, mas meu apetite diminuiu um pouquinho. Não engordei e ainda estou rejeitando um pouco a cozinha, mas acredito que esta fase, já está quase no fim. Tenho que aproveitar para agradecer os recadinho fofos de vocês aqui no blog e também no Twitter. Obrigada de verdade! Não imaginava que algum dia sentiria esse carinho tão bom! Esse baby já cheio de tios e tias… rsrsrsrsrsrsrs…
Bom, mas voltando a cozinha, vou falar uma coisa, tá difícil aguentar o Papaizinho da casa. Alceu fica me provocando e dizendo que agora ele vai assumir esse blog, porque o nível tá caindo, tá tendo até omelete… rsrsrsrsrs… pode um negócio desses?! Pois bem, então, adivinhem quem foi pra cozinha ontem? É, elezinho… eu só dei uma organizada e fiquei sentanda, assistindo de camarote. O risoto foi por conta dele e o filé, por conta do nosso amigo e vizinho Dr. Rodrigo Junqueira. Adivinhem se ficou bom?! Ficou maravilhoso! A receita do risoto de manteiga de trufa branca, vocês podem conferir aqui e a do filé, lá vai.

Ingredientes
– postas de filé mignon
– sal do pacífico e pimenta do reino branca
– 1 colher de pasta de mostarda com ervas
– creme de leite fresco
– manteiga
– whisky

Preparo
Tempere a carne com o sal e a pimenta do reino. Aqueça uma frigideira e coloque uma generosa colher de manteiga de leite. Disponha as postas de filé e deixe fritar. Vire com a ajuda de um pegador. Depois que a carne chegar ao ponto desejado, retire e reserve. Na mesma frigeira, cheia da borra da carne e no fogo, acrescente umas goladas de whisky. Mexa para misturar ao caldinho da carne e evaporar o álcool. Depois, acrescente uma colher de sobremesa da mostarda e mexa bem, até incorporar. Acrescente um pouco do creme de leite fresco. A quantidade dependerá da quantidade de carne que você fizer. Mexe bem, deixe cozinhar um pouco e acrescente sobre o filé. Sirva junto com o risoto.

Comentar! Comentários: 9

Receitas de risotos

sexta-feira, 04 junho 2010

Que tal um risoto neste final de semana?!
Aqui, tem pra todos os gostos.
Escolha o seu preferido e vamos receber os queridos em casa, celebrando a boa comida, a amizade e o amor!
O que acham da idéia???

fotos de vários pratos de risoto

Risoto de alho poró, limão e parmesão

Risoto de funghi Secchi

Risoto de gorgonzola e pêra

Risoto de bacalhau

Risoto de calabresa e alho poró

Risoto de tomate-seco e rúcula

Risoto de atum e alho em lascas

Risoto de manteiga de trufa branca

Comentar! Comentários: 9

Receite de carne assada com manteiga de mostarda e risoto de açafrão

domingo, 30 maio 2010


Semana passada, passeando pelo blog da minha amiga Fabi, do Figos & Funghis, encontrei uma receita que me chamou atenção: carne assada com manteiga de mostarda e um delicioso risoto de açafrão. Como ia preparar um jantar na casa de uns amigos, foi a dobradinha escolhida para a reunião especial. Dei uma mudada, mas basicamente, foi a mesma receita. A mistura da manteiga com a mostarda Dijon deu um toque muito especial na carne. Eu usei uma peça de picanha, mas a Fabi deu a dica de uma maminha, que por sinal é uma bela opção. A picanha, temos que tomar cuidado, pra ela não ficar seca. Depois que a gente tira o papel alumínio, rega a carne com o caldo e volta para o forno, só mais uns 5 minutinhos ou se depender, nem precisa, já pode servir. Esse pedaço aí (da foto) parece estar mais seco, mas não ficou não, estava bem suculento. Depois que tirei a foto, dei mais uma regada com o caldo. O risoto deu uma secada, porque fui montar 8 pratos e só depois que servi todo mundo, que fui tirar a foto… aí não tem risoto que aguente né… rsrsrsrs…

Carne de forno com manteiga de mostarda

Ingredientes
– 2 peças de picanha ou maminha (1kg cada uma)
– 1/2 tablete de manteiga
– 4 colheres de sopa (bem generosas) de mostarda Dijon
– sal grosso à gosto
– azeite de oliva

Preparo
Escolha uma peça com gordura, mas não muita. Misture a manteiga já amolecida em temperatura ambiente e a mostarda, até formar um creme. Lambuze toda a peça de carne com este creme, depois salpique o sal grosso e regue com azeite de oliva extra virgem. Forre uma assadeira com papel alumínio, deixando sobrar um bom pedaço para cobrir a carne. Deite a carne na assadeira, com a parte da gordura voltada para cima e cubra com o papel alumínio. Leve ao forno pré-aquecido em temperatura alta por cerca de 60 minutos. Retire do forno, regue a carne com o caldo que se formou na assadeira, fatie em pedaços grossos e volte ao forno (agora descoberto). Experimente a carne antes, se for o caso, não precisa voltar ao forno.

Risoto de açafrão (para 8 pessoas)

Ingredientes
– 1/2 pacotinho de arroz arbóreo (arroz para risoto)
– 1 cebola grande cortada bem miudinha
– 2 colheres de manteiga sem sal + 1 colher para finalizar
– 1 taça de vinho branco seco de boa qualidade (como não tinha usei whisky)
– 3 litros de caldo de carne
– 2 colheres de sopa “generosas” de açafrão (pode ser curry também)

Preparo
Etapa 1
Aqueça o caldo. Em uma outra panela “grande” aqueça a manteiga, adicione a cebola e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz, mexa bem e deixe fritar. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado, apenas incorporar a manteiga. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco e continue mexendo. Ele vai chiar e você deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.

Etapa 2
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz e secar, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais conchas de caldo, a medida que a água for secando.Vá experimentando o arroz e observando a textura e continue mexendo.

Etapa 3
Continue acrescentando caldo e mexendo. O ponto do arroz, deve ser al dente. É quando você morde no grão e ele ainda está firme. Preste atenção também na quantidade de caldo, porque o risoto não é soltinho como o arroz, ele é papado mesmo, aliás, muito papado. Acrescente duas colheres de açafrão e misture bem. Se houver necessidade de colocar sal, coloque. Desligue o fogo e adicione a última colher de manteiga (que deve estar bem gelada) no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará o seu risoto a ficar mais brilhante.
Comentar! Comentários: 9

Receita de risoto com manteiga de trufa branca

sexta-feira, 14 maio 2010

foto de um risoto com manteiga de trufa branca

Até que enfim, eu conheci o Empório Santa Luzia lá em São Paulo. Todo mundo que me conhece e vai lá, chega falando que eu preciso ir lá pra conhecer, que quando vão lá, lembram de mim. Bom, o lugar é maravilhoooooso, mas os preçinhos, nanda amigáveis. Coisa de gente rica (muito rica). O Alceu quase ficou doído lá dentro, queria comprar tudo, claro que tudo não dava, mas compramos umas coisinhas que não se acha aqui em Uberlândia, com a super assessoria de uma novo amigo que conhecemos, o Bergamo. Gente finíssima!
A manteiga de trufa branca foi uma das aquisições, indicada pelo Bergamo, claro. Um potinho que cabe na palma da mão e custa quase R$50,00?! Só gostando demais de cozinhar pra investir nisso né… rsrsrs… mas valeu a pena Gente. Final de semana passado, fiz um risoto com manteiga de trufa branca. Usei a manteiga pra finalizar (lógico) senão precisava de uns 2 potinhos. Ela é forte e o sabor que deu no risoto foi magnífico. Valeu a compra!
Ah, um Tarapaca Gran Reserva Cabernet Sauvignon, trazido pelo Dr. Rodrigo, ajudou

Ingredientes para a receita de risoto com manteiga de trufa branca

  • 1 xícara de chá* bem cheia de arroz arbóreo (arroz para risoto)
  • 1/2 cebola corta bem miudinha
  • 2 colheres de manteiga sem sal
  • 1 colher de café bem cheia de manteiga de trufa branca
  • 1/2 taça de vinho branco seco de boa qualidade
  • 1 1/2 litros de caldo de legumes
  • 1 pacotinho de queijo parmesão ralado
  • queijo parmesão para ralar em cima
  • medida: utilize 1/2 xícara de chá por pessoa

Preparo

Etapa 1

Aqueça o caldo. Em uma outra panela “grande” aqueça a manteiga. Adicione a cebola e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz, mexa bem e deixe fritar. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado, apenas incorporar a manteiga. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco e continue mexendo. Ele vai chiar e você deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.

Etapa 2

Assim que o vinho for absorvido pelo arroz e secar, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais conchas de caldo, a medida que a água for secando.Vá experimentando o arroz e observando a textura e continue mexendo.

Etapa 3

Continue acrescentando caldo e mexendo. O ponto do arroz, deve ser al dente. É quando você morde no grão e ele ainda está firme. Preste atenção também na quantidade de caldo, porque o risoto não é soltinho como o arroz, ele é papado mesmo, aliás, muito papado. Quando já estiver pronto, acrescente o queijo ralado rapidamente, mexa e experimente para ver se haverá necessidade de colocar sal. Na maioria das vezes, não coloco sal. Desligue o fogo e adicione a colherzinha de manteiga de trufa branca, que deverá deve estar bem gelada, no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará o seu risoto a ficar com este brilho e da o gostinho especial da manteiga trufada. Rale um parmesão por cima para servir.

foto dos ingredientes para o risoto com manteiga de trufa branca

Outras receitas de risoto, vocês podem encontrar aqui – risotos do Cozinha Travessa.

Comentar! Comentários: 11

Receita de carré de cordeiro na crosta de maracujá, acompanhado de arroz cremoso de carreteiro e crocante de castanhas

segunda-feira, 03 maio 2010


Esta receita fez parte do jantarMy Dinner in the Sky realizado no dia 30 de abril de 2010.
Esta receita foi o prato principal. Receita para 6 pessoas.

CARRÉ DE CORDEIRO
Ingredientes
– 8 pedaços de carré de cordeiro
– vinho branco
– sal grosso à gosto
– pimenta do rein
o
– alecrim fresco

Preparo
Disponha as peças lado à lado, numa assadeira. Tempere com sal grosso, pimenta do reino e ramos de alecrim fresco. Regue com vinho branco, tampe com papel alimínio e leve ao forno, pré-aquecido. Depois de pronto, incorpore a farofa no cordeiro, para criar uma sutil camada na carne, formando a crosta, cuja receit está abaixo.

FAROFA DE MARACUJÁ PARA A CROSTA
Ingredientes
– 300 gramas de farinha de mandioca com bijú
– 2 colheres generosas de manteiga de leite
– 1 cebola média
– sal à gosto
– polpa “com semente” de 2 maracujás frescos

Preparo
Numa frigideira funda, coloque a manteiga e a cebola picadinha. Deixe fritar. Acrescente a farinha e mexa bem. Acerte o sal pitadas de sal e mexa. Acrescente a polpa do maracujá e misture pra valer, até incorporar bem.

ARROZ CREMOSO DE CARRETEIRO
risoto básico (1/4 de xícara de arro arbóreo para cada pessoa)
– 1 pedaço da palma da mão de carne seca
– 1 linguiça calabresa defumada pequena
– 1 pedaço pequeno de bacon

Preparo
Pique a calebresa em cubos, frite, escorra e reserve.
Pique o bacon em cubinho miúdos, frite, escorra e reserve.
Dessalgue a carne seca um dia antes do preparo. Na panela de pressão, cubra a carne com água e leve ao fogo. Quando levantar pressão, retire, defie e frite um pouco (sem nada) numa frigideira. Reserve.
Faça o risoto básico conforme a receita abaixo*. Antes do término do risoto, acrecente a calabresa e a carne seca. Mexa bem. Acrescente mais caldo, mexa e finalize com a manteiga gelada para dar brilho. Sirva salpicando bacon por cima. Triture castanhas e decore o prato para servir.

* Risoto básico

Ingredientes (receita para 6 pessoas)
– 1/4 de xícara de chá de arroz arbóreo
– 1 cebola média corta bem miudinha
– 2 colheres de manteiga sem sal + 1 colher cheia “gelada” para finalizar
– 1 taça de vinho branco seco de boa qualidade
– 1 1/2 litros de caldo de carne

Preparo
Etapa 1
Aqueça o caldo e reserve. Em uma outra panela “grande” aqueça a manteiga. Adicione a cebola e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz, mexa bem e deixe fritar. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado, apenas incorporar a manteiga. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco e continue mexendo. Ele vai chiar e você deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.

Etapa 2
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz e secar, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais conchas de caldo, a medida que a água for secando.Vá experimentando o arroz e observando a textura e continue mexendo.

Etapa 3
Quando você perceber que o arroz tá começando a ficar menos duro, acrescente os outros ingredientes: carne seca e calabresa. O ponto do arro, deve ser al dente. É quando você morde no grão e ele ainda está firme. Preste atenção também na quantidade de caldo, porque o risoto não é soltinho como o arroz, ele é papado mesmo, aliás, muito papado. Quando já estiver pronto, desligue o fogo e adicione a última colher de manteiga, que deverá deve estar bem gelada, no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará o seu risoto a ficar com este brilho.

Comentar! Comentários: 1

TV Travessa: Receita de Risoto de aspargo, ervilha e hortelã

segunda-feira, 19 abril 2010

Oi Gente!
Mais um TV Travessa no ar e hoje, o risoto, que por votação, foi o campeão.
Queria aproveitar para mandar um beijo para a DETE PIROLLI que encontrei lá no supermercado, no dia que estava fazendo as compras para o risoto. Não conhecia a Dete pessoalmente, só aqui pelo blog e foi uma surpresa muito boa conhecer uma das super leitoras aqui do Cozinha Travessa, então Dete Querida, beijão para você e obrigada pelo carinho!
Ah, outra coisa: não sou chef, nem uma expert no assunto heim Gente, então, se fiz ou falei alguma coisa errada sobre a preparação do risoto, me perdoem!

Caldo de Legumes

Ingredientes
– 2 cenouras em pedaços
– 2 cebolas em pedaços
– 2 talos de salsão em pedaços
– 2 talos de alho-poró em pedaços
– 2 folhas de louro
– 2 galhinhos de tomilho
– 10 grãos de pimenta do reino
– 4 colheres de sopa de azeite

Preparo
Doure todos os ingredientes em uma panela de fundo grosso, junto com o azeite. Cubra com 2 litros de água e leve ao fogo alto sem tampar a panela. Assim que começar a ferver, abaixe o fogo e deixe cozinhar por 30 minutos, retirando sempre a espuma da superfície com uma concha. Desligue o fogo, tampe a panela e deixe repousar por alguns minutos, para pegar o gosto. Retire a gordura da superfície e coe. Pode congelar por até 3 meses. Na geladeira dura até 5 dias.

Comentar! Comentários: 17

Receita de Risoto de Atum e Alho em Lascas

terça-feira, 30 março 2010

Bom Dia Gente!
Quaresma acabando, Sexta-feira Santa já tá aí, todo mundo louco pra poder comer o ovo de páscoa no domingo e muita gente ainda no ritual de não comer carne vermelha. Então, respeitando as tradições, aí vai mais uma receitinha com peixe pra vocês. A bola da vez foi o atum em conserva. Eu tinha uma latinha lá em casa e tava a fim de um risotinho domingo passado, só pra mim e o alceu mesmo. O duro foi acertar a medida, mas me dei bem. Na hora, fiquei com medo do atum. Eu pensei: “Hum, esse negócio vai ficar sem graaaaaça…” mas depois de pronto, eu me surprendi.

Ingredientes (receita para 2 pessoas)
– 1 xícara de chá* bem cheia de arroz arbóreo (arroz para risoto)
– 1/2 cebola corta bem miudinha
– 2 colheres de manteiga sem sal + 1 colher cheia para finalizar
– 1/2 taça de vinho branco seco de boa qualidade
– 1 1/2 litros de caldo de legumes ou caldo de peixe
– 1 latinha de atum em conserva
– 1/2 pacote de queijo parmesão ralado
– 2 colheres de sopa de alho em lasca
* a quantidade do arroz parece pouco, mas foi ideal, até mesmo porque, eu e o Alceu não temos costume de repetir, mas se você ficar com medo, coloque mais 1/2 xícara.

Preparo
Etapa 1
Aqueça o caldo. Em uma outra panela “grande” aqueça a manteiga. Adicione a cebola e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz, mexa bem e deixe fritar. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado, apenas incorporar a manteiga. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco e continue mexendo. Ele vai chiar e você deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.

Etapa 2
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz e secar, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais conchas de caldo, a medida que a água for secando.Vá experimentando o arroz e observando a textura e continue mexendo.

Etapa 3
Quando você perceber que o arroz tá começando a ficar menos duro, acrescente o atum e as lascas de alho e continue acrescentando caldo e mexendo. O ponto do arro, deve ser al dente. É quando você morde no grão e ele ainda está firme. Preste atenção também na quantidade de caldo, porque o risoto não é soltinho como o arroz, ele é papado mesmo, aliás, muito papado. Quando já estiver pronto, acrescente o queijo ralado rapidamente, mexa e experimente para ver se haverá necessidade de colocar sal. NEste caso, eu não coloquei, porque já tinha sal no queijo e no caldo. Desligue o fogo e adicione a última colher de manteiga, que deverá deve estar bem gelada, no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará o seu risoto a ficar com este brilho.

Montagem
Coloque um pouco de risoto de risoto no prato e salpique cebolinha para finalizar.
Regar com um bom azeite de oliva também vai bem, na hora de comer.

Comentar! Comentários: 6

Receita de Risoto de Limão Siciliano

sexta-feira, 26 fevereiro 2010


Olá Pessoal!
Cada vez que faço risoto, acredito que melhoro. Outro dia, vendo uma revista, vi a dica deste risoto e voltando da yoga quinta-feira da semana passada, passei no D’Ville pra comprar umas frutas. O limão siciliano estava simplesmente maravilhoso. Não resisti e pensei: “É amanhã que faço esse risoto”. Dito e feito. Aproveitamos a sexta-feira para convidar alguns amigos, bater um bom papo e apreciar um delicioso prato. Então, como hoje é sexta, aqui vai a dica, pra começar o final de semana com o pé direito.

Ingredientes (receita para 6 pessoas)
– 1/2kg de arroz arbóreo (arroz para risoto)
– 1 cebola pequena corta bem miudinha
– 3 colheres de manteiga sem sal + 1 colher cheia para finalizar
– 1 taça de vinho branco seco de boa qualidade
– 2 litros de caldo de legumes
– 1 1/2 limão siciliano grande (rale as cascas e reserve)
– 1 pacote de queijo pecorino ralado ou se preferir queijo parmesão
– sal à gosto

Preparo
Etapa 1
Aqueça o caldo. Em uma outra panela “grande” aqueça as 2 colheres de manteiga. Adicione a cebola e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz e comece a fritá-lo. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco sem parar de mexer. Ele vai chiar e você deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.

Etapa 2
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Exprema 1/2 limão e vá acrescentando mais caldo a medida que ele for evaporando, tome cuidado para que ele não fique com muito caldo e fique empapado demais. Exprema mais 1/2 limão e mexa. Vá experimentando o arroz e observando a textura e continue mexendo.

Etapa 3
Exprema a última metade de limão. Cuidado pra não deixar cair nenhuma semente. Quando o arroz estiver no ponto, adiocione o queijo ralado e mexa, abaixe o fogo e experimente para ver se haverá necessidade de colocar sal. Se sim, adicione uma pitada e prove novamente. Desligue o fogo e adicione a última colher de manteiga, que deverá deve estar bem gelada, no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará o seu risoto a ficar com este brilho.

Montagem
Como você cortou 2 limões, mas usou só 1 1/2, pique a metade restante com gomos finos. Coloque uma porção num bowl ou prato, encaixe um gomo fino de limão e salpique as raspas em cima. Sirva imediatamente.

Comentar! Comentários: 37