Categoria: Receitas de Peixes e Frutos do Mar

TV Travessa: Receita de bacalhau ao forno

segunda-feira, 22 março 2010

Oi Pessoal! Bom Dia!
Essa semana tenho uma novidade pra vocês, a partir de agora, teremos o canal TV TRAVESSA aqui no blog, uma vez por mês. É isso aí, um programinha por mês especialmente pra vocês. E para inaugurar este canal, escolhi uma receita de bacalhau, já que estamos na Quaresma e as receitas com peixes estão sendo muito procuradas aqui no blog. Então vamos assistir o vídeo, pra ver se vocês vão gostar! Ah, e para o próximo vídeo, vou fazer uma enquete aqui no blog e vocês vão me ajudar a escolher, qual o tipo de prato que vocês querem ver. Mas aguardem, que até no final do mês eu coloco a enquete, tá?! Ah, e quero dizer, que vou procurar melhorar nos próximos vídeos, ainda sou beeeemmm amadora, mas prometo me esforçar sempre mais, para trazer pra vocês um programa de qualidade e com receitas bacanas!

Tenho que aproveitar o meu primeiro post oficial do TV TRAVESSA e agrader ao D’Ville Supermercados e ao Leandro Carrijo, que acreditaram e acreditam neste blog e me apoiaram para viabilizar este novo canal pra vocês!

Comentar! Comentários: 17

Receitas de Bacalhau e Peixe para a Quaresma

sexta-feira, 12 março 2010

Final de semana chegando e a Quarema à todo vapor. Tem muita gente que tenta evitar mesmo a carne vermelha nesta época, então, pra ajudar, separei algumas receitas de peixe e bacalhau. Olha aí:

Lombo de bacalhau ao forno
Dourado ao forno
Sardinhas Portuguesas
Risoto de Bacalhau
Alho e óleo com bacalhau
Filé de Tilápia grelhado com alcaparras

Ah, aproveito para dar a dica para os meus conterrâneos aqui de Uberlândia/MG, o D’Ville Supermercados tá com super promoções no setor de peixes, com a Quaresma em alta, tem várias opções de bacalhau. Tem filés, lascas, bacalhau do Porto, lombo, bolinhos e tem até bacalhau dessalgado e tudo com a qualidade que a gente já conhece. Estas ofertas vão até o dia 21/03/2010 ou enquanto durarem os estoques.


Além do bacalhau, tem também toda a parte de peixes e congelados e a Adega do D’Ville é super bacana. Tem vinhos excelentes e preços que agradam à todos.

DICA D’VILLE SUPERMERCADOS – Como dessalgar o bacalhau?
Corte o bacalhau em postas e leve bem em água corrente. Coloque o bacalhau num recipiente e cubra com água, de preferência filtrada e gelada. Guarde na geladeira. Na água gelada o bacalhau não irá exalar cheiro. Troque a água de 3 a 4 vezes. O tempo médio para dessalgar dependerá da altura das postas. Se for em lascas, você pode colocar na água no dia anteior, à noite, e trocar a água de 2 a 3 vezes. O bacalhau estará pronto para o preparo no almoço do dia anterior.

Comentar! Comentários: 4

Receita de Conchiglie Alho e Óleo com Filé de Sardinha

segunda-feira, 22 fevereiro 2010


Olá Pessoal!
Semana começando, ano começamento, afinal o Carnaval já se foi, então vamos lá minha gente. Hoje, mais uma massinha reconfortante para alegrar a vida. Fácil e rápida de fazer. Vai me dizer que uma massinha não cura qualquer segunda-feira emburrada?! Então… você pode usar o tipo de massa que tiver em casa. Usei esse conchiglie, porque sobrou da última massa que fiz, lembram?! Ah, se tiver um latinha de atum, também dá rock!

Ingredientes
– 1/2 pacote de massa de sua preferência
– 1 latinha de filé de sardinha (aquela que vem sem a espinha)
– alho picadinho
– alho torrado para jogar por cima
– azeite de oliva extra virgem
– folhas de manjericão-grande

Preparo
Cozinhe a massa em bastante água fervente. Enquanto isso, numa frigideira grande, jogue bastante azeite no funo e o  alho. Deixe fritar e despeje as sardinhas. Retire um pouco o excesso de óleo. Mexa e deixe fritar. Escorra a massa que já deve estar pronta e despeje na frigideira mexendo bem. Acrescene as folhas de manjericão-grande, acerte o sal se necessário e pronto. Salpique alho torrado por cima antes de servir.

Comentar! Comentários: 2

Receita de Conchiglie ao Molho Branco com Bacalhau

quinta-feira, 11 fevereiro 2010

Oi Pessoal!
Almoço chegando e hoje vou mostrar uma massinha deliciosa, para confortar e pra fazer nos dias de preguiça. Sempre tenho bacalhau em lascas congelado e desalgado (acho que já disse isto pra vocês) então, pitou a vontade de comer, é só tirar do congelador. Ele descongela rapidinho.

Agora, não sou uma expert em cozinha e muito menos chef, vocês sabem, então vou falar uma coisa, se tem um negócio que eu detesto fazer é o tal do molho branco, então eu assumo, eu uso aqueles molhos prontos em pó, que você adiciona água e leite. Sei que muita gente vai me crucificar, mas eu uso… me perdoem… ralo uma noz moscada nele, mas isso não me absolve da culpa, eu sei… rsrsrsrs…

Ingredientes
– bacalhau em lascas desalgado
– conchiglie ou outra massa de sua preferência
molho branco “pronto”
– alho e cebola
– azeite

Preparo
Cozinhe a massa em água abundante. Enquanto isso, numa frigideira grande, forre o fundo com bastante azeite, coloque cebola e alho picadinhos e deixe dourar um pouco, adicione as lascas de bacalhau. Deixe refogar. Quando a água secar, escorra a massa, que já vai estar cozida e mexa bem. Por último, acrescente o molho branco e sirva. Se precisar acertar o sal, acerte, mas provavelmente não vai precisar, por causa do bacalhau e do molho branco. Um vinho branco ou espumante vão bem para acompanhar.

Comentar! Comentários: 2

Receita de Filé Mignon Recheado com Bacalhau ao Vinho Tinto

terça-feira, 26 janeiro 2010


Inspirada num prato que comi na minha viagem para o Chile, fiz este filé sábado passado. Foi um pouco estranho quando comi o prato lá no Chile, mas depois vi que a combinação foi perfeita e muito sofisticada. Eu abusei da imaginação e incrementei. Vejam como foi esta experiência!

INGREDIENTES
– medalhão de filé mignon
– lascas de bacalhau desalgado
– 1 pimentão amarelo
– 1 punhado de vagem
– 1 punhado de amêndoas
– alho em flocos
– 1 taça de vinho tinto seco

PREPARO
Tempere o filé dá maneira que você está acostumada(o). Pegue as lascas do bacalhau, grelhe e reserve. Esquente uma frigideira ante-aderente, regue com azeite e disponha os filés. Não fique virando, deixe grelhar de um lado, depois de outro. Jogue os legumes picados e mexa, pra soltar a borra da carne que ficou grudada. Despeje a taça de vinho tinto e deixe ele entrar um pouco na carne. Retire os filés e coloque num refratário, senão eles ficarão duros e secos. Tampe a panela e deixe o vinho reduzir e os legumes cozinhar. Jogue as amêndoas e o alho em flocos e misture. Jogue tudo isso em cima dos filés, que você colocou no refratário. No meio dos filés, faça um corte e encaixe as lascas de bacalhau que estavam reservadas. Leve tudo isso ao forno, já aquecido e deixe por 10 minutos. Sirva com um arroz branquinho e pronto!

Comentar! Comentários: 4

Receita de Bacalhau ao Forno e Ervas

segunda-feira, 05 outubro 2009

Bom Dia Pessoal!
Tava com um bacalhau no congelador semana passada e queria fazer ele no forno, mas queria inventar uma receita diferente, porque já tinha um prato aqui no blog. Olha aí o que saiu. Ficou muito bom e super suave. Pra acompanhar, um arroz branquinho e a companhia do marido… nada mais… rsrsrsrs…

Ingredientes
– 250 gramas de bacalhau em lascas grandes
– 4 batatas médias
– 1 cebola roxa média
– 1 cebola normal
– azeitonas
– 8 tomates cerejas
– creme de leite fresco
– tomilho e salsinha frescas
– azeite de oliva extra virgem

Preparo
Pré aqueça o forno. Com o seu bacalhau já desalgado, pegue um refratário de +ou- 10cm de profundidade. Numa outra vasilha pique as batatas (com casca e bem limpas) em rodelas grossas, os tomates cerejas ao meio e as cebolas em quatro partes. Junte as azeitonas, as ervas e regue com bastante azeite e uns 100 ml de creme de leite fresco. Misture tudo isso e vamos começar a montagem. Regue o refratário com bastante azeite. Faça uma camada com as batatas, uma com o bacalhau e outra com os demais legumes. Depois, siga a sequência até finalizar. Jogue o caldinho dos legumes por cima de tudo e depois regue com muuuuuito azeite. Tampe com papel alumínio e leve ao forno. Não sei exatamente o tempo, mas vá observando. Quando a água começar a secar, retire o papel alumínio e deixe mais um pouco.

As fotos das ervas são da minha plantação… rsrsrsrs… esse tomilho aí, é aquele com aroma cítrico. Eu, particularmente, não gosto do outro. Esse aí do lado é o meu hortelã e a foto de baixo a minha salsinha.


Comentar! Comentários: 7

Receita de Coquilles de Bacalhau

domingo, 20 setembro 2009


Oi meu povo!
Para os amantes dos peixes e frutos do mar, hoje trago mais uma receitinha de bacalhau. A propósito, outro dia tive um comentário de uma leitora querida, que é vegetariana, perguntando se podia substituir o ingrediente em questão, por camarão. Aproveito para falar pra vocês (porque não lembro se já falei aqui no blog) eu tenho alergia à camarão. Sim, é uma tristeza . Sinceramente, isso é o fim da picada. Por isso, não posto praticamente nada com camarão. Só uma vez que postei uma receita do meu padrinho Cléssio, lembram?! Pois bem, peço que perdoem por ter vindo com este defeitinho de fábrica, mas eu tento compensá-los com outras coisas. Mas vamos aprender então, essa delícia de prato, que é bem simples de preparar. A receita original, tá lá no site do Mais Você.

Ingredientes (rende 8 coquiles)
– 500 gramas de bacalhau
– 250 gramas de batata
– 1 colher de sopa de manteiga sem sal
– 1 1/2 colher de sopa de salsa picadinha
– 1 cebola pequena
– 1/2 colher de sopa de alho picado (à gosto)
– queijo em lascas
– 1 pimenta dedo de moça sem semente*
* dá próxima vez vou colocar umas 3, porque é sem semente mesmo
– 250 gramas de creme de leite fresco**
** aqui em Uberlândia/MG é muito difícil a gente encontrar alguns ingredientes, no caso do creme de leite fresco, tô vendo sempre lá no D’Ville.


Preparo

Cozinhe as batatas sem casca, amasse com o garfo e reserve. Doure a cebola e o alho na manteiga. Acrescente a pimenta dedo de moça picadinha em rodelas finas. Acrescente as lascas de bacalhau “desalgadas” e deixe refogar até reduzir o caldo. Acrescente as batatas na panela e mexa bem, até formar uma mistura homogênea. Em fogo baixo, acrescente o creme de leite fresco lentamente e misture. Acrescente também a salsa. Disponha  a mistura em coquiles, que nada mais são do que recipientes. Polvilhe o queijo por cima e leve ao forno para gratinar, por aproximadamente 20 minutos. Achei que o meu bacalhau estava um pouco salgado, então tive que abrir mão do queijo. Pronto, é só servir com arroz branco e fazer bonito para os convidados.

Comentar! Comentários: 6

Receita de Rigatoni com Bacalhau, Tomate-seco e Rúcula

quinta-feira, 06 agosto 2009


Oi Pessoal!
Essa massinha aí ficou simples e ao mesmo tempo sofisticada. Também, bacalhau é sempre uma estrela, pelo menos pra mim, que adoro. E pra não ficar pálido, coloquei uma cor… hehehehe… vermelho e verde.

Ingredientes
– 500 gramas de rigatoni (ou outra massa de sua preferência)
– 6 tomates secos picadinhos
– 1 chumaço de rúcula picadinha
– 300 gramas de bacalhau desfiado desalgado
– azeite de oliva extra virgem
– alho

Preparo
Ferva bastante água com um fio de óleo e cozinhe a massa. Numa frigideira coloque o azeite generosamente e o alho picadinho. Deixe refogar. Jogue o bacalhau desfiado e deixe cozinhar. Ele vai soltar água e depois dar uma secada. Acrescente o tomate seco picadinho e misture. Não usaresmo sal, pois o bacalhau já é salgado e provavelmente o tomate seco também. Escorra a massa e despeje na frigideira. Desligue o fogo e misture as folhas de rúcula picadinhas. Sirva em seguida com um queijinho parmesão, se quiser.

Comentar! Comentários: 7

Receita de Trouxinha de Bacalhau

sexta-feira, 31 julho 2009


Ei meu Povo!!!
Ainda estou à pé com o meu notbook. Não fiquem tão felizes, mas consegui tratar algumas fotos pra poder postar pra vocês e não deixá-los desamparados mais este final de semana. A propósito, tô pensando em fazer uma SUPER VAQUINHA pra poder comprar outro notbook, porque o meu não tem solução mesmo, morreu a placa mãe. Será que consigo doações espontâneas???

Bom, então vamos ao que interessa né. Conforme prometido, aqui vai a trouxinha de bacalhau que ficou um mimo puro… hehehehehe… quem comeu nem acreditou… hehehehe… falem a verdade Flávio e Pedro.
Inspirada em um dos meus livros de culinária, da coleção A Grande Cozinha – Massas, fiz essa gostosura sexta-feira passada, na casa de um amigo. Aproveito para mandar beijos para a Ana Isa, namorada do Léo Chacur, que é uma delicadeza de pessoa. Ela foi a minha assistente master no preparo deste prato, numa sexta-feira de muita ventania e frio. Confesso que fiquei com medo de não conseguir amarrar a trouxinha, mas ficou exatamente igual a foto do livro… fiquei tão orgulhosa de mim… hehehehehe…

Para as panquecas ou crepes
Ingredientes (rendeu 8 massinhas)
– 2 ovos
– 3 colheres cheias de farinha de trigo
– 1 copo de leite (200ml)

Preparo
– bata todos os ingredientes no liquidificador
Instruções para o preparo da massa aqui.

Para o recheio
Ingredientes
Bom, o recheio pode ser qualquer um. Vocë pode usar a sua imaginação ou então usar o que tem na geladeira. Vale frango desfiado, carne moída com azeitona, legumes refogados (para os vegetarianos). Eu fiz com bacalhau, olha aí:
– bacalhau desfiado
– azeitona preta
– azeite de oliva extra virgem
– cebola picadinha

Preparo
Numa figideira coloque um pouco de azeite e a cebola picadinha. Deixe dourar. Coloque o bacalhau desfiado e azeitona preta. CUIDADO COM A AZEITONA, porque o bacalhau já estará com um pouco de sal e mais azeitona, pode ficar salgado demais, então, não exagere. Refogue tudo, deixe o bacalhau secar e pronto.

Montagem final
Coloque o recheio no centro da massa, mas não coloque muito. Vá juntando as pontas da massa, fazendo o formato da trouxinha. Não tenha medo, porque dá certo. Se rasgar a massa, não desista, pegue outra e começe de novo. Com a ajuda de uma cebolinha ou alho todo ano (parece cebolinha, eu tenho ela lá em casa, depois tiro uma foto pra mostrar pra vocês) amarre e pronto. Pra decorar e fazer bonito, umas folhas de rúcula e cebolinha picadinha pra esparramar no prato. Na hora de servir, regue com azeite o miolinho da trouxinha.

Comentar! Comentários: 5

Receita de Dourado no Forno

segunda-feira, 20 julho 2009


Olá para vocês! Espero que todos tenham uma semana maravilhosa pela frente! Hoje vou postar um peixe que foi feito na casa de um casal muito especial – Lígia e Edelweiss, pais da Lígia Inês, nossa vizinha e amiga. Eh casal bacana viu. Eles são o máximo!!! Em recente pescaria do Edelweiss, ele me ofereceu um dourado enorme pra poder fazer e propus fazemos na casa deles. Claro, que precisei da ajuda do Rodrigo, marido da Lígia Inês. Foi uma noite muito divertida, regada ao show de 50 anos do Rei Roberto Carlos, muita chuva que caia aqui em Uberlândia/MG, histórias de pescaria e muito papo bom… e com disse o Edelweiss, eu usei os meus pós de pirlimpimpim… hehehehehehe… mas com a harmonia da noite, não tinha como o peixe ficar ruim.

Ingredientes
– 1 dourado grande (não me pergunta o peso que eu não sei)
– 6 tomates maduros
– 2 cebolas grandes em rodelas grossas
– 6 limões
– 1 limão siciliano
– talo de salsão
– sal (usei o meu sal do pacífico)
– 6 batatas grandes com casca em rodelas grossas
– papel alumínio

Preparo
Limpe bem o peixe (coisa que eu não sei fazer), já cheguei o bicho tava limpo… hehe… exprema 2 limões no peixe inteiro, salpique um pouco de sal e reserve. Enquanto isto faça o vinagrete. Pique os tomates em cubos, o talo do salsão em rodelas finas e temperei com sal, limão e
Tuscan Sunset, da marca Penzeys Spices. Depois, foi só encher a barriguinha do peixe com o vinagrete. Num tabuleiro bem grande, forrei com o papel alumínio e coloquei as batatas e a cebola em rodelas. Coloquei o peixe em cima, salpiquei mais sal (dos dois lados) e o Rodrigo salpicou em cima um outro tempero, Adobo Seasoning. Depois, fatiei o limão siciliano em rodelas finas e coloquei por cima do peixe. Cobri com papel alumínio e deixamos marinar por uns 50 minutos.


O Edelweiss disse que tinha que mostra o rabo do peixe, senão vocês não acreditariam que era um dourado. Então, tá aqui a foto do rabo… hehehe…

Passados os 50 minutos, leve ao forno pré-aquecido. Deixe +ou- uns 40 minutos e descubra o peixe (papel alumínio), deixe mais uns 20 minutos. Olhe novamente e retire as rodelas de limão siciliano para dar a última corada. Retire do forno e sirva. Neste dia fiz o risoto de palmito para acompanhar.

Comentar! Comentários: 7