Categoria: Receitas de Massas

Receita de Espaguete ao Molho de alho, com Anchova e Abobrinha

terça-feira, 05 maio 2009


Conforme prometido, hoje teremos um dos pratos do curso de culinária italiana, que fiz semana passada. Esta é uma deliciosa massa, muito parecida com um alho e óleo, a não ser pela anchova e a abobrinha, que dá um toque todo especial. A receita em questão foi feita pelo meu vizinho e amigo Wadson, na véspera do feriado. Pode parecer que o prato ficará bem salgado, por causa da anchova, a azeitona e a alcaparra, mas não fica, os sabores ficam bem distintos e o prato final fica com um sabor inconfundível.

Ingredientes (para 4 pessoas)
– 320gramas de espaguete
– 2 dentes de alho
– 4 filés de anchova
– 2 abobrinhas pequenas fatiadas
– azeitonas pretas picadinhas
– 1 colher rasa de alcaparras
– manjericão
– basílico
– azeite de oliva extra virgem
– sal e pimenta do reino à gosto

Preparo
Descasque o alho, coloque num pilão, junte os filés de anchova, um pouco de azeite e prepare um creme, com a ajuda de um garfo. Reserve. Lave as abobrinhas, tire as extremidades e pique em fatias finas. Misture na abobrinha, as alcaparras, a azeitona, as folhas de manjericão e o molho de alho e anchova. Cozinhe o macarrão em água salgada abundante. Escorra o macarrão, mas não jogue a água fora. Numa frigideira e com fogo baixo, coloque a mistura do molho e misture o macarrão, salteando rapidamente, apenas para o molho penetrar na massa. Para não ficar muito seco, coloque uma concha da água que você cozinhou o macarrão. Sirva com folhas de basílico (aquele manjericão da folha grande).

Comentar! Comentários: 2

Receita de Macarrão a Primavera

sexta-feira, 03 abril 2009

Tudo bem, a gente já entrou no Outono aqui no Brasil, mas dei esse nome pro macarrão porque achei que combinava… rsrsrsrs… tem coisa melhor do que uma massinha?! Essa aí foi para um almoço de domingo. Na verdade queria comer ervilhas, tava com vontade, então inventei esse macarrão, veja como foi fácil:

Ingredientes (serve bem umas 5 pessoas)
– quase 1 caixa inteira de penne (eu compro muito a marca
Barilla)
– 1 lata de ervilhas
– palmito picado em rodelas
– molho branco de sua preferência
(eu tenho um pouco de preguiça de fazer molho branco, sempre tenho em casa aqueles prontos ou semi-prontos. Esse dia usei um molho branco de queijos)
– 2 xícaras bem cheias de frango desfiado (sempre tenho no congelador)
– cebola e alho
– azeite de oliva extra virgem
– queijo parmesão ralado na hora

Preparo
Cozinhe a massa em bastante água fervente, com um fio de óleo. Se quise usar outro tipo de massa pode, as vezes você um espaguete em casa, então manda ver. Enquanto a massa cozinha, numa frigideira grande ou panela normal, coloque bastante azeite ao fundo, a cebola e o alho picadinhos. Despeje o frango desfiado, a ervilha e o palmito. Mexa. Depois coloque o molho branco e mexa bem. Se houver necessidade de sal, coloque. Quando a massa estiver ao dente, escorra, regue com um fio de azeite e mistura ao molho. Mexa um pouco, rale o queijo parmessão por cima, mexa mais e coloque numa travessa bem bonita.

Não tem como ficar ruim esse negócio!

Comentar! Comentários: 1

Receita de Alho e Óleo com Atum

segunda-feira, 09 março 2009

Pedido de “marido” (como dizem as indianas da novela) eu não posso negar. Aliás, eu jamais nego, ele sabe disso. Então, pra terminar o domingo e esperar a formação do paredão do BBB9, ele me pediu um alho e óleo, mas abriu o armário e viu uma latinha de atum, aquelas gourmets que já vem com algum toque especial e perguntou: “- Hummm, pode ser com atum Dani?”. Claro! Então vamos lá, rápido e sem dor, para um domingo na piscina, preguiçoso e estreia do meu novo ar-condicionado, que instalamos no quarto… rsrsrsrs…

Ingredientes (para 2 pessoas)
– 4 mãozadas de macarrão (não ria, foi assim que eu medi, usei o penne)
– azeite de oliva extra-virgem (por favor, se você continua comprando azeite ruim, pode parar com isso, já tá na hora de você evoluir)
– alho
– sal
– salsinha e cebolinha frescos (o meu é direto da minha hortinha particular)
– 1 latinha de atum de sua preferência (usei esse aí oh)

Preparo
Ferva bastante água para cozinhar o macarrão. Antes de acrescentar a massa, coloque um fio de óleo. Numa frigideira grande e funda, forre o fundo com azeite e coloque alho picadinho. Deixe fritar um pouco. Despeje o atum e mexa bem. Quando a massa estiver al dente (é quando você morde e ainda sente ela firme, parecendo que ainda está dura) escorra e jogue na frigideira. Mexa bem e delicadamente para o tempero e o atum incorporarem na massa. Salpique a salsinha e a cebolinha, acerte o sal, se necessário e pronto. Um suquinho de polpa de acerola com um limão taiti expremido cai muito bem, mas não coloca muito açúcar não, pra você sentir o gosto da fruta.

Comentar! Comentários: 12

Receita de Alho e Óleo com Palmito de Pupunha

sexta-feira, 06 fevereiro 2009


Eu nunca fui muito boa em alho e óleo, mas os constantes pedidos do meu marido, me fizeram correr atrás do prejuízo. Cada vez que faço eu tento me aperfeiçoar mais. Esta semana fiz um alho e óleo e resolvi incrementar com um palmito. Mas não era o palmito que normalmente estamos acostumados a comprar, o palmito de açaí, era um palmito de pupunha. Ele é um palmito não “tão” saboroso quanto o outro, mas ele é bem macio e suculento. Achei um vidro em promoção, dia destes e resolvi comprar para experimentar.

Ingredientes (para 4 pessoas)
– 1/4 de uma caixinha de rigatoni (costumo comprar muito a marca Barila)
– alho picadinho
– alho torrado (esse aí foi achado, comprei lá Itamambuca no reveilon)
– azeite
– sal
– queijo parmesão de boa qualidade ralado na hora
– folhas de manjericão fresco
– 1 vidro de palmito de pupunha
Essa história do alho torrado é interessante. Sempre que viajo e vou a um supermercado diferente, eu fico vasculhando as prateleiras, pra ver se acho alguma coisa legal, que normalmente não tem na minha cidade ou que nunca vi pra comprar. Esse dia, eu e o Alceu saimos pra ir no mercadinho lá em Itamambuca (Ubatuba), onde passamos o nosso reveilon e achamos esse alho torrado, que diferente do frito. O Alceu me incentivou a levar e não deu outra, deveria ter comprado uns 5 potinhos… rsrsrsrsr… então, aqui vai o meu recado, não percam a oportunidade de comprar um condimento, um azeite, uma colher diferentes, vale a pena!

Preparo
Esquente água em abundância e cozinhe a massa. Numa frigideira grande, coloque azeite e uma colher de sopa de alho picadinho. Deixe dourar um pouco. Escorra a massa e jogue na frigideira. Mexa delicadamente para o azeite e o alho incorporarem na massa. Acrescente mais azeite se achar necessário. Salpique um pouquinho de sal e um punhado do alho torrado (ou frito). Acrescente o palmito picadinho em roldelas, mexa mais um pouco e desligue o fogo. Misture as folhinhas de manjericão e sirva com parmesão ralado na hora. Um bom vinho tinto acompanha bem essa massinha.

Comentar! Comentários: 0

Receita de Fetuccini ao Molho Vermelho

sexta-feira, 23 janeiro 2009


É muito bom a gente ter amigos que sempre lembram da gente quando viajam. Eu, particularmente, sou privilegiada e meus queridos amigos Fabiano e Letícia Preta, lembraram de mim na última visita deles à Poços de Caldas. Lá tem uma pasta caseira muito famosa da Cantina do Araújo. Presente dado, convite feito. Não podia deixar meus amigos de mão abanando. Marcamos um jantarzinho lá em casa e o prato, adivinha qual foi?! Fetuccine ao molho vermelho.

Ingredientes (para 8 pessoas)
– 2 pacotes de 500gramas de fetuccine da Cantina do Araújo
– 2 latas (grandes) de tomates sem pele ou polpa de tomate da sua preferência
– azeite de oliva extra virgem
– alho
– cebola
– sal
– queijo parmesão ralado na hora
– manjericão fresco

Preparo
Em duas panelas grandes e com bastante água fervente, cozinhe os pacotes de massa.
Depois de cozida, despeje no escorredor, regue com azeite e sacuda o escorredor para o azeite espalhar na massa toda, assim não vai grudar. O importante é o molho estar pronto, antes de você escorrer a massa. Assim ela não esfria.

Molho
No liquidificador, coloque os tomates sem pele, uns 100ml de água filtrada e 1 cebola média. Bata. Numa frigideira funda e grande, coloque bastante azeite no fundo e alho picadinho. Deixe dourar e despeje o molho do liquidificador. Acerte o sal, tampe e deixe reforgar por uns 5 minutos. Depois, despeje a massa na frigideira (por isso é importante que ela seja grande), jogue folhas de manjericão frescas e misture delicadamente. Disponha numa refratário bem bonito, salpique o parmesão ralado na hora e divirta-se.
Um bom vinho tinto vai muito bem com essa massinha básica… rsrsrsrsrs…

Comentar! Comentários: 0

Receita de penne com molho pesto ao cogumelo pochinni

domingo, 21 dezembro 2008

Uma massinha sempre cai bem, principalmente se você está com aquela preguiça no final de semana. Essa aí foi um penne que fiz, com um molho pesto ao cogumelo pochinni. Eu tinha este molho pronto, compro dia destes para experimentar, lá no D’Ville (supermercado aqui em Uberlândia). Ele parece uma massa, bem grossa. Dei uma refogada nele no azeite, acertei o sal e misturei na massa. Pra finalizar um parmesão ralado na hora. Ficou um macarrão bem forte, por causa do cogumelo, mas ficou com o sabor bastante requintado.

Comentar! Comentários: 0

Receita de mini panqueca

terça-feira, 28 outubro 2008


Aproveitando o post das panquecas da semana passada, resolvi fazer também, panquecas no café-da-manhã. Como vocês já sabem, eu adoro tomar aquele café-da-manhã no final de semana, cheio de coisas gostosas. Então, fiz uma coisa diferente – American Pancakes. Esta receita tem uma culpada, minha querida amiga Michele, que fez em casa e me contou o resultado!

Continue Lendo

Comentar! Comentários: 0

Receita de lasanha à bolonhesa

quinta-feira, 09 outubro 2008

CozinhaTravessa_07

Lasanha é um prato muito simples, mas que as vezes muita gente tem dúvida da sua simplicidade. Quando faço lasanha já faço duas de uma vez, uma pra comer na hora e outra pra ficar de step no congelador. Eu coloco naqueles marinex com tampa, assim fica fácil de armazenar. Uso sempre uma massa pronta, que já é pré-cozida. A marca que compro e gosto muito é a da Petbom. Aquelas que tinham antigamente, que a gente tinha que cozinhar e virava uma meleca eram um saco e as frescas são bem mais caras e tem a validade reduzida. Esta é uma ótima opção e fica bem fininha quando está pronta. E pra não desagradar o maridão, o molho é sempre bolonhesa, o seu preferido. O segredo do molho bolonhesa, segundo o chef Fábio Tomiyama (com quem fiz um curso de culinária há alguns anos atrás) é você cozinhar a carne e deixar ela corar bem, até grudar um pouco na panela, só depois que você acrescenta o molho o dá o tempero final. Então, vamos a minha receita de lasanha à bolonhesa.
Continue Lendo

Comentar! Comentários: 52

Receita de penne com bacalhau alho e óleo

quinta-feira, 18 setembro 2008


Para os apreciadores da boa massa e de um bom bacalhau do porto, hoje vou postar uma receitinha básica – macarrão alho e óleo com bacalhau desfiado. É um macarrão super fácil, mas você só precisa ter o cuidado de dessalgar o bacalhau no dia que você for preparar o prato. Como ia fazer uma massa, comprei um pacotinho de bacalhau desfiado mesmo (se você mora aqui em Uberlândia, pode encontrar o produto de “boa qualidade” na Chocolândia). Para desalgar você retira o bacalhau da embalagem e coloca numa bacia, enche de água filtrada gelada e deixa repousar por 3 horas, depois vocês ecorre esta água e repete o procedimento novamente, deixando por mais 3 horas. Após a segunda água, você já pode usar o bacalhau e fazer o seu prato escolhido.
Aproveitando, queria agradecer a ilustre visita do primo do meu marido, diretamente de São Paulo – o Rodrigo, que apareceu rapidamente aqui na cidade e deu as caras lá em casa. Foi muito bom, porque estávamos com saudades. Demos muitas risadas e contamos muitas histórias… rsrsrsrsrs… Rô, um beijo grande viu. Gi, gostou da caixinha???

Então, vamos a receita.
Continue Lendo

Comentar! Comentários: 1

Receita de Espaguete ao limão

terça-feira, 09 setembro 2008

Para os amantes de massa, aqui vai uma receitinha muito simples e mais simples ainda de agradar qualquer paladar. Fiz este espaguete, semana passada, no apê “liiiindo” dos nossos amigos Wilsinho e Priscila, que casaram recentemente.


A receita é muito simples, ideal pra quem não quer ficar muito tempo na cozinha. É interessante usar um espaguete, mas se você tiver uma outra massa, acredito que fique bom também. O segredo para cozinhar a massa é colocar bastante água na panela e deixar cozinhar no tempo certo, para que fique ao dente (ao dente é quando mordemos na massa e ela corta com facilidade sem ficar molenga demais na boca… bom, pelo menos esta é a minha definição… rsrsrsrs). O molho é muito simples e o melhor de tudo, que está não é uma receita quente. Numa tigela, misture tudo muito bem. Rale o parmesão na hora pra ficar mais saboroso. 

 

Ingredientes (para 6 pessoas)
– 1 pacote de espaguete de boa qualidade (grano duro)
– 2 limões grandes
– pedaço de parmesão para ralar
– 2 cremes de leite ou 2 iogurtes naturais
– sal à gosto
– azeite
– folhas de manjericão
– 100gramas de castanha de caju (coloque num saquinho e bata com o martelo ou então triture levemente no mini-processador)
Preparo
Numa panela grande coloque bastante água e um fio de óleo. Deixe ferver e coloque a massa para cozinha. Enquanto isto, numa tigela coloque o creme de leite, o suco dos limões, uma pitada de sal, uma colher de sopa de azeite (bem cheia) e o parmesão ralado na hora (o quanto baste). Misture tudo com uma colher. Verifique o ponto do macarrão e escorra. Despege o macarrão na tigela com o molho e misture bem. Coloque uma porção no prato, rale mais queijo por cima, jogue um punhado de castanha por cima e decore com as folhas de manjericão.

 

Comentar! Comentários: 3