Categoria: Receitas de Carnes e Aves

Receita de Risoto de Abacaxi e Lombo Temperado

quinta-feira, 18 junho 2009

Eu estava com vontade de fazer um risoto diferente e pensei num abacaxi com pêra. Mas não podia fazer só o risoto, tinha que ter uma carne pra acompanhar. Por sugestão do meu amigo e vizinho Rodrigo, o lombo seria uma ótima pedida, já que tinha abacaxi no risoto. Depois, fui trocar uma idéia com o meu amigo Marcel Gussoni e ele me disse pra não misturar a pêra no risoto, porque o sabor dela iria sumir. Ele me aconselhou usá-la na decoração. Palpites dados e consultas realizadas, aí está o risoto de abacaxi que ficou simplesmente M A R A V I L H O S O e o lombo temperado que usamos alguns temperos importados que ganhei de presente do Alceu… ah, aliás aqui está a foto de três, mas este final de semana, vou tirar a foto de todos pra mostrar pra vocês. Tô muito metida com estes temperos gente… rsrsrsrsrsrsrs… como disse o Alceu, o nome do post deveria ser: Abacaxi do Monte Alegre e Sal do Pacífico… rsrsrsrsrsrs…

RISOTO DE ABACAXI
Ingredientes (receita para 6 pessoas)
– 1/2kg de arroz arbóreo (arroz para risoto)
– 1 cebola pequena corta bem miudinha
– 3 colheres de manteiga sem sal + 1 colher cheia para finalizar
– 1 taça de vinho branco seco de boa qualidade
– 2 litros de caldo de legumes (eu utilizo o sachê de caldo de legumes porque fazer o caldo dá muito trabalho, mas quem quiser se arriscar e tiver tempo, fique à vontade)
– 1/2 abacaxi contado em pequenos pedaços
– 1/2 pacotinho de queijo parmesão de boa qualidade
– sal à gosto

Preparo
Etapa 1
Aqueça o caldo. Em uma outra panela “grande” aqueça as 2 colheres de manteiga. Adicione a cebola e refogue. A partir daí a receita pede a sua atenção total e você não deve se afastar da panela. Aumente o fogo e adicione o arroz e comece a fritá-lo. Mexa ele constantemente de forma a não queimá-lo, ele não deve ficar dourado. Depois de 2 ou 3 minutos diminua o fogo para médio e adicione o vinho branco sem parar de mexer. Ele vai chiar e você deve misturar todos os ingredientes da panela, nesta etapa todo o álcool da bebida vai evaporar.

Etapa 2
Assim que o vinho for absorvido pelo arroz, acrescente a primeira concha de caldo quente. Você agora não deve parar de mexer, não se esqueça de esfregar o fundo da panela deixando o fundo bem limpo para que o arroz não grude. Vá acrescentando mais caldo a medida que ele for evaporando, tome cuidado para que ele não fique com muito caldo e fique empapado demais. Essa etapa deve demorar uns 15 minutos. Vá experimentando o arroz e observando a textura. Reduza aos poucos a quantidade de líquido que vai acrescentando e continue mexendo.

Etapa 3
Adicione o abacaxi e mexa bem. Quando o arroz estiver no ponto, adiocione o queijo e mexa, abaixe o fogo e experimente para ver se haverá necessidade de colocar sal. Se sim, adicione uma pitada e prove novamente. Adicione a última colher de manteiga, que deverá deve estar gelada, no centro da panela. Misture delicadamente, sem encostar a colher na manteiga, ou seja, misture na lateral da panela, de forma que manteiga fique no meio e vá se desfazendo aos pontos. Isso ajudará o seu risoto a ficar com este brilho.

LOMBO TEMPERADO
Ingredientes
– 1 peça de lombo defumado temperado
– vinho branco para regar
– temperos importados

Preparo
Retire o lombo da embalagem e coloque num refratário grande. Adicione os temperos à gosto e regue com um pouco de vinho branco. Leve ao forno. A medida que for assando, vá adicionando mais um pouco de vinho branco, pois o lombo fica muito seco. Depois, nas próximas olhadas, dê umas pinceladas por cima da carne, com o caldo que formar. Não esqueça de virar o lombo também. Passados quase 50 minutos, experimente um pedaçinho da carne pra ver se está bom. Se estiver, pode fatiar para montar os pratos.

Para a montagem, o Marcel tinha me dito pra fazer uma calda pra colocar em cima da pêra… ahaha… mas quem disse que eu, a Lígia e Alcinete conseguimos fazer… depois me manda a receita disso Marcel, porque pra doces eu sou uma negação. Mas enfim, usei as pêras cortadas em leque na montagem do prato, coloquei um pedaço de lombo fatiado e uma porção do risoto. Quem comeu pode dar o veredito final pra vocês!

Comentar! Comentários: 8

Receita de Filé com Legumes e Champignon

terça-feira, 02 junho 2009


O filé é uma carne que anda me agradando bastante. Já comentei isto com vocês aqui no blog. Pois bem, eu sempre tenho uns filés congelados em casa. Esse aí foi o almoçinho de sábado. Catei o que tinha de legumes e verduras e mandei bala. Mas antes de dar a receita, quero aproveitar que usei brócolis e dar uma SUPER DICA da minha mãe, que ela aprendeu num curso que fez lá no SENAC. Se você não tem nehuma panela de cozimento à vapor (como eu) e tem preguiça de cozinhar o brócolis na água quente, com esta técnica você vai gastar menos de 5 minutos. Pegue o brócolis, lave e retire os caules mais grossos. Escorra e coloque num saquinho plástico (aqueles de guardar alimentos) e leve ao microondas por 2 minutos. Pronto! Num passe de mágica o seu brócolis estará cozido, saboroso e verdinho. Olha aí a foto.

Bom, então vamos a nossa receita de hoje.

Ingredientes
– filé mignon em tiras grossas
– brócolis (use a técnica do microondas)
– couve-flor (cozida na água, mas por pouco tempo, pra não perder a sensação crocante)
– abobrinhas fatiada fininhas (escalde um um pouco da água que você usou na couve-flor)
– tomates cerejas partidos ao meio
– champignon
– azeite de oliva extra virgem
– shoyo

ATENÇÃO: Não sei se a técnica do microondas serve para a couve-flor. Devia ter testado, mas esqueci… rsrsrsrs… se alguém testar, me conta depois.

Preparo
Tempero o filé com sal ou com algum tempero que você goste de usar para temperar carne. Regue uma frigideira grande com azeite e coloque a carne. Deixe quieto, não fique mexendo, senão o filé endurece. Quando a água começar a secar, dê uma mexida rápida para virar os pedaços de filé. quando estiver ao ponto, jogue todos os legumes. Misture e jogue um pouquinho de shoyo. Experimente e acerte o sal se necessário. Sirva com um arroz branquinho.

Comentar! Comentários: 5

Receita de Filé ao Molho Madeira

segunda-feira, 27 abril 2009

Engraçado como tem dias que a gente tá com boca pra comer alguma coisa específica. Outro dia destes o Alceu me pediu filet ao molho madeira. Então tá né… rsrsrsrs… O filet é uma carne que eu ando gostando de comer. É uma das poucas carnes vermelhas que sito vontade de comer de vez enquando. Não que eu seja vegetariana, não, mas de uns 8 anos pra cá, meu organismo vem rejeitando um pouco a carne vermelha. Mas vamos lá né, um bom filet, macio e suculento, não faz mal a ninguém. Quando eu compro a peça de filet mignon, eu peço pra cortar em postas, aí chego em casa, divido em saquinhos e congelo. Coloco uns 5 pedaços em cada saquinho e uma peça de filet dá pra fazer de 3 a 4 saquinhos, assim fico com um estoque garantido.

O preparo é muito simples, você tempera com sal ou com algum tempero pronto que você goste. Não precisa temperar com antecedência, tempera na hora que for faz mesmo. Esquente uma frigideira com um pouco de azeite de oliva e disponha os filets lado a lado. Não precisa tampar, ficar mexendo, nem virando, porque você vai virar uma única vez, senão o filet fica duro. É só deixar no ponto que você gosta e depois acrescentar o molho madeira. Eu não fiz o molho, usei um pronto e o último que usei foi o da Master&Food. Ele é uma delícia, não tem aquele gosto forte de vinagre. Aí é só despejar o molho na frigideira, acrescentar champignon, tampar e deixar refogar um pouco. Eu coloquei o champingon inteiro, pra ficar mais bonito. Lembre-se de não fique mexendo demais, pra não endurecer a carne. Eu acrescentei palmito também.

Depois de pronto é só servir com um arroz branquinho e batata palha. Precisa de mais alguma coisa?!

Aproveitando o post, quero mandar um super beijo pra todos que passam por aqui “quase todos os dias”, em especial para a minha amiga Nívea, que me disse no sábado passado, que a rotina dela quando liga o computador pela manhã é olhar os e-mails e depois passar no Cozinha Travessa pra dar uma espiada nas novidades… rsrsrsrs… valeu Nivinha =)

O COZINHA TRAVESSA é feito com muito carinho, pra vocês.

Ah, outra novidade, hoje começo um curso de culinária de 3 dias, com um chef brasileiro, mas italiano de coração – Júlio Cordeiro. Depois conto mais detalhes pra vocês.

Beijos e uma boa semana!

Comentar! Comentários: 14

Receita de Chilli

quarta-feira, 08 abril 2009

Gente, fala sério, esse prato ficou o bicho. Não imaginei que ficaria tão gostoso. Sim, o chilli é aquele prato mexicano que vai feijão. Aliás os mexicanos usam muito o feijão. Mas vou confessar uma coisa pra vocês, nunca tinha cozinhado feijão na minha casa, acreditam?! Mas tenho uma justificativa, o Alceu não come… rsrsrsrsrs… aí deixo pra comer feijão na minha mãe e na minha sogra. Esse prato é um pouco mais trabalhaso, porque você tem que fazer os ingredientes separadamente e depois juntar tudo, mas vale a pena, porque fica maravilhoso!

Ah, quero aproveitar para agradecer algumas pessoas especiais. A Góia, minha querida amiga que eu amo, que me emprestou 2 mantas peruanas chiquérrimas, que usei na decoração. E meus super vizinhos Ivônia e Marquinho, que me emprestaram essa panela linda de barro, que fez toda a diferença na apresentação do prato.
O B R I G A D A !

Ingredientes (fiz esta quantidade para 14 pessoas)
– 1/2kg de feijão vermelho (usei o feijão carioca)
– 2 pimentões amarelos
– 2 pimentões vermelhos
– 2 pimentões verdes
– 2 cebolas grandes
– 1/2kg de carne moída (eu sempre uso o patinho para carne moída)
– 1/2kg de lombo suíne cortado em cubinhos pequenos
– azeite de oliva extra virgem
– alho picado
– farofinha de Doritos

– 1 colher de sopa bem cheia de pimenta chilli em pó
– sal marinho (sempre irei indicar o sal marinho agora, pois é ele que eu uso, mas Dani, todo sal é marinho?! Tá, mas o sal marinho mesmo, que vem escrito no saquinho é diferente do sal refinado. É mais saudável)


Preparo
Numa panela de pressão, cozinhe o feijão, como de costume, mas não coloque nenhum condimento, apenas água. Em outra panela cozinhe a carne moída, mas coloque a carne na panela sem nada, nem óleo. Em outra panela, cozinhe a carne de porco, também sem nada. Deixe as carnes ficarem bem fritinhas. Reserve-as. Pique os pimentões e as cebolas em tiras fininhas. Numa panela bem grande (pois será que você irá juntar tudo) corre o fundo com azeite e alho picadinho e frite os pimentões e as cebolas. Misture todos os outros ingredientes. Feijão (com o caldo) e as carnes. Coloque a pimenta chilli, acerte o sal se necessário. Tampe e deixe cozinhar. O feijão vai engrossar o caldo. Quando estiver quase pronto (você vai sentir que está pronto) coloque salsinha e cebolinha picadinhos. Sirva em cumbuquinhas (como as da foto) com a farofinha de Doritos por cima.

Comentar! Comentários: 15

Receita de Burritos

terça-feira, 07 abril 2009

Continuando nosso cardápio mexicano, hoje trago o – BURRITO.
Esse prato também vai muito bem num happy hour. É divertido prepará-lo, assim como os tacos e é muito gostoso. Particularmente eu prefiro o burrito, do que o taco.

Ingredientes
– guacamole (pegue a receita
aqui)
– alface picadinha bem fininha
– frango desfiado já temperado ou carne moída também temperadinha
– queijo ralado (pode ser o queijo prato, mussarela ou queijo comprado na feira)
– tomates mais firmes picados em cubinhos e sem semente (pra não virar aquela aguaçeira)
– tortillhas (essa é diferente do taco, parece uma panqueca fininha. Comprei o pão folha, que substitui bem, aqui em Uberlândia eu achei lá no Azeitona Verde)


Preparo
A montagem é simples e também igual ao taco. Pegue o pão folha e espalhe um pouco de guacamole, depois a carne, o tomate, o queijo e alface. Se quiser mais picante, você pode colocar um molhinho de pimenta em cima da carne.

Comentar! Comentários: 7

Receita de Tomates Recheados – Programa Essencial HB

terça-feira, 10 fevereiro 2009

Em Dezembro do ano passado fui convidada para participar de um programa de culinária, num canal local aqui da minha cidade, o Canal da Gente. O programa se chama Essencial HB e o bloco é o Tempero Mineiro. Foi muito legal participar, o Hugueney foi muito simpático e me deixou bastante à vontade e a repercussão foi bem divertida, das pessoas contando que me viram. Depois de um tempo “apanhando” pra ajustar o vídeo, com a ajuda do pessoal da Geracon e também com a ajuda do meu irmãozinho querido Guibas, para criar o canal no Youtube, aqui está ele. A receita já tem no blog e você pode conferir aqui, mas vendo fica bem mais legal né! Divirtam-se!

PARTE 1


PARTE 2

PARTE 3

Comentar! Comentários: 5

Receita de picanha do Dauro na panela Wok

terça-feira, 16 dezembro 2008

Você não tem churrasqueira em casa?
Mora em apartamento?
Está louco para comer uma carninha assada?
Seus problemas acabaram! A Picanha do Dauro na panela Wok é a solução.
O Daurão é um grande amigo nosso, casado com a Nádia, eles adoram tomar uma cervejinha e estar perto dos amigos. É um casal show de bola. Ele faz uma picanha que é espetacular e prometi à ele que iria postar no meu blog, porque realmente, vale a pena. Promessa é dívida e olha aí como ela fica suculenta e totalmente com gosto de churrasco. A receita é simples e se você tiver uma panela wok fica melhor ainda. Essa aí em questão, foi apreciada semana passada e feita pelo seu criador mesmo, mas a ornamentação e foto foram minhas… rsrsrsrsrs…

Ingredientes
– picanha fatiada
– sal
– cebola (picada em roldelas e deixadas de molho na água)


Preparo
Esquente a panela wok ou um frigideira grande. Mas esquente bem, até começar a sair fumaça. Jogue umas pitadas de sal (refinado) sobre a carne e coloque na panela. Deixe selar de um lado. Não fique mexendo. Depois vire a carne e deixe selar do outro lado. Escorra a água da cebola e despeje na panela. Mexa um pouco para a cebola pegar aquela cor da carne. Quando a carne estiver no ponto desejado, retire e fatie em pequenos pedaços. Pronto. É só servir com uma saladinha ou como tira-gosto, tomanda aquela gelada.

Comentar! Comentários: 7

Receita de risoto de bacon com costela suína

quinta-feira, 04 setembro 2008


Morar em condomínio é muito bom, uma experiência única, ainda mais quando você tem amigos especiais que topam tudo, independente do dia, da ocasião ou do humor. Quero aproveitar este post para dizer aos nossos amigos e vizinhos Wadson, Alcinete, Rodrigo e Lígia que gostamos (falo por mim e pelo meu marido) muito da companhia deles. Gostamos de todos os assuntos que conversamos e discutimos, de todas as risadas que damos, de todas as garrafas de vinho, cerveja, vodkas e chopp que tomamos e de todos os pratos que preparamos. Adoramos estar na casa de vocês e vocês na nossa. Quando a gente junta (coisa muito comum) vira uma coisa sem fim… rsrsrsrs. E não posso esquecer de citar a incomparável Melzinha, filha da Lígia e do Rodrigo (Meeeellância como diz o meu marido). Bom, mas chega de rasgação de seda e vamos a comida de fato. Este prato foi preparado pelo Rodrigo, mas eu ajudei a fazer o risoto, montei o prato e comi… rsrsrsrs…
Continue Lendo
Comentar! Comentários: 1
« Página anterior  1 2 (...) 8 9 10 11 12