Receita de Mingau Light

Home / Receitas de Doces e Sobremesas / Receita de Mingau Light


Bom Dia Pessoal!
Seguindo a minha programação e o meu estoque de receitas, aqui vai uma receita da Laurence, minha parceira neste canal light… hehehehehe… e semana passada eu fiz mais uma receita dela. E olhem que coincidência, a Laurence descobriu que mora no mesmo prédio da madrinha do meu marido. Achei o máximo. Qualquer dia destes, temos que encontrar, para nos conhecermos pessoalmente!
Apesar de não ser muito fã de mingau, achei o preparo da receita muito fácil. Esta receita pode ser utilizada por diabéticos, pelo uso do adoçante e leite desnatado, além de poder ser usada por pessoas que buscam uma alimentação menos calórica. Porém o milho é rico em carboidratos e por isso deve ser consumido com moderação. A receita rende 6 porções. a minha deu um pouco a mais, porque usei 6 espigas. Cada porção tem em média 87 calorias, contra 127 calorias do mingau de milho verde feito com açúcar e leite integral.
Ingredientes
– 4 espigas de milho verde
– 500ml de leite desnatado
– 5 colheres de sopa de adoçante (a Laurence deu a dica do adoçante Tal e Qual)
– canela a gosto
Preparo
Retire com uma faca os grãos de milho da espiga e bata-os no liquidificador com o leite. Passe o líquido por uma peneira de trama bem fina. Em uma panela, coloque o líquido amarelo, o adoçante e leve ao fogo baixo, mexendo, até obter a consistência de mingau. Polvilhe a canela. Depois de pronto, coloque em potinhos de plástico descartáveis com tampa.

Dica: Se você achar que o mingau está muito encorpado (grosso) é só acrescentar um pouco mais de leite durante o cozimento na panela. Uma dica que peguei com a minha mãe é escolher espigas de milho mais duras, assim o mingau não fica molenga, depois que endurecer.

Esta receita pode ser utilizada por pessoas diabéticas pelo uso do adoçante e leite desnatado, além de poder ser usada por pessoas que buscam uma alimentação menos calórica. Porém o milho é rico em carboidratos, e por isso deve ser consumido com moderação.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.